8 de jul de 2009

[Curiosidades/Quadrinhos] Morte, a irmã do Sonho


Esta semana terminei de ler “Despertar” (Conrad, 2008), o último volume dos encadernados de Sandman que a Conrad lançou por aqui, e é uma pena que acabou, porque é um dos melhores quadrinhos que eu já li.

Sandman junto com Monstro do Pântano foram os principais responsáveis por fazer da então recém criada linha adulta de quadrinhos da DC Comics, o selo Vertigo, o sucesso e sinônimo de qualidade que ele mantém até hoje.

Com Sandman, o genial Neil Gaiman pegou um personagem secundário, antigo e há muito esquecido da DC Comics, que se utilizava de gás para adormecer seus inimigos, e o transformou num mito, no Senhor do Sonhar.

Morpheus, Sandman, Oneiros, Oniromante, Lorde Moldador ou simplesmente Sonho é um dos Perpétuos, entidades que existem desde a aurora dos tempos e que personificam vários aspectos do universo. Os Perpétuos são uma família, sete irmãos ao todo, cada um com seu próprio reino e domínios.


Dentre os Perpétuos Destino é o mais velho. Entre os homens da família temos ainda Destruição, Sonho e Desejo, que muitas vezes pode ser ela também, não tendo um gênero definido. Já na ala das mulheres temos a caçula Delírio, Desespero, gêmea de Desejo e por fim, a preferida entre 9 em 10 leitores de Sandman, a irmã preferida de Lorde Morpheus, a Morte.

Morte diferentemente do estereótipo visual comum que temos dela, de uma caveira vestindo uma capa preta e portando uma foice, em Sandman, é uma bela garota com uma estética gótica que cai muito bem com o fato dela ser a Morte. Porém, o gótico fica só na estética, já que ela é alegre, bem-humorada, casual, descontraída...

Apesar de ter o nome Morte, cada mortal encontra a irmã mais velha de Sonho duas vezes. Uma quando nasce e outra quando morre. Morte, que pra mim é uma personagem muito mais carismática que Sonho, a cada 100 anos prova um pouco do que é ser mortal passando um dia dentre nós com o intuito de aprender mais sobre as vidas que tem que tomar. Uma dessas visitas da morte é mostrada num dos especiais que ela ganhou, Morte – O preço da vida, que foi lançado primeiramente pela Editora Abril e mais recentemente num encadernado de luxo, contendo os dois especiais, pela Editora Conrad.


Confesso que acho a Morte, de Neil Gaiman, bem gatinha, e que se ela for realmente desse jeito quando vier a encontrá-la não acharei tão ruim quanto seria se fosse a velha caveira de sempre, mas convenhamos que ter um encontro com ela não é algo muito saudável. Pensando nisso vamos ver a probabilidade de você conseguir ter um encontro com ela na listinha abaixo que eu achei no ótimo Nerds Somos Nozes.

*Contato com serpentes venenosas: 1 entre 1.874.034
*Contato com aranhas venenosas: 1 entre 468.508
*Acidente com fogos artificiais: 1 entre 340.733
*Mordido ou picado por insetos não venenosos: 1 entre 312.339
*Acidente de trem: 1 entre 156.169
*Inundação: 1 entre 144.156
*Terremoto: 1 entre 117.127
*Mordido ou ferido por um cão: 1 entre 117.127
*Acidente de ônibus: 1 entre 104.113
*Um raio: 1 entre 79.746
*Picada de abelhas: 1 entre 56.789
*Exposição a excessivo calor natural: 1 entre 13.729
*Afogamento acidental na banheira: 1 entre 11.289
*Intoxicação por Álcool: 1 entre 10.048
*Eletrocutado acidentalmente: 1 entre 9.968
*Asfixia ou afogamento acidental na cama: 1 entre 7.541
*Afogamento acidental em uma piscina: 1 entre 7.278
*Exposição a excessivo frio natural: 1 entre 6.045
*Disparo acidental por arma de fogo: 1 entre 5.134
*Acidente aéreo ou espacial: 1 entre 5.051
*Acidente de bicicleta: 1 entre 4.919
*Por cair de uma cama, cadeira ou outro móvel: 1 entre 4.473
*Obstrução do trato respiratório ao ingerir comida: 1 entre 4.284
*Ao cair de uma escadas: 1 entre 2.360
*Em um incêndio em um edifício: 1 entre 1.358
*Complicações médicas depois de uma operação: 1 entre 1.313
*Fogo ou fumaça: 1 entre 1.113
*Acidente de moto: 1 entre 1.020
*Afogado: 1 entre 1.008
*Acidente de pedestre: 1 entre 626
*Entropecentes e alucinógenos: 1 entre 406
*Assalto com arma de fogo: 1 entre 314
*Acidente de carro: 1 entre 237
*Queda: 1 entre 218
*Suicídio: 1 entre 119
*Acidente com qualquer tipo de veículo a motor: 1 entre 84
*Embolia: 1 entre 24
*Câncer: 1 entre 7
*Ataque do coração: 1 entre 5
*Por qualquer causa: 1 entre 1

PS: Da série "Um dia ainda terei dinheiro vadio pra gastar com o que eu quiser". Ah se eu tivesse 270 dólares sobrando...









Um comentário: